Escolha do deck ideal deve considerar clima e manutenção

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 09/09/2013 15:31
A função mais importante de um deck é proporcionar mais espaço livre externo, que possibilite uma área de estar em meio ao jardim. Existem decks fabricados a partir de plástico mesclado com serragem de madeira, outros utilizam garrafas pet e tubos de pasta de dente reciclados, mas também existem os de cimento imitando os veios da madeira. Recentemente foi lançado um deck importado feito de casca de arroz, leve, resistente e muito bonito, porém ainda não está sendo comercializado no Brasil. Hoje em dia muitas pessoas escolhem os materiais da casa, desde o revestimento de piso até a cortina, com base na manutenção que o produto requer. Com o deck não deve ser diferente. Caso a preferência seja madeira, um ponto importante a ser observado na hora de escolher é o tipo. Uma ótima opção para área externa é a Itaúba, que pode ser frisada ou lisa, dependendo do uso. Esse material é muito resistente às mudanças climáticas, à chuva e requer manutenção a cada dois anos no máximo, quando é aconselhável aplicar camadas de um impermeabilizante especial. A madeira lisa pode ser utilizada quando se quer criar um espaço para tomar sol e se deitar, já a frisada é indicada para caminhos, pois ela oferece uma aderência melhor ao calçado. É interessante o uso do ecodeck (sendo ele de plástico ou cimento) em casas de praia e em locais muito úmidos, onde o sol é intenso e a chuva também. Há pouco tempo esse material ecológico era mais caro do que a madeira, mas hoje em dia o valor já é similar. Em alguns casos chega a ser mais barato devido à produção em escala do produto. Um dos grandes benefícios é não ter qualquer custo de manutenção, além disso, os decks feitos com material reciclável (plástico ou mesmo casca de arroz) são produtos sustentáveis, evitam que árvores sejam derrubadas. A madeira em locais muito úmidos se deteriora se não for adequadamente tratada. Os decks de plástico possuem a mesma instalação do deck de madeira. Já o de cimento precisa de uma base sólida, como um contra piso, pois ele é assentado com argamassa como um porcelanato. Na hora da instalação, os decks de madeira ou plástico devem ser instalados por um bom marceneiro ou empresa especializada, já os de cimento devem ser colocados por pedreiros. Ao contrário do que alguns pensam, a madeira em área externa exige sim manutenção, dependendo das condições do local, esta manutenção pode ser feita a cada 6 meses ou até 2 anos. É fácil perceber quando está na hora de lixar e envernizar a madeira, pois a superfície fica esbranquiçada e passa a ficar com cara de envelhecida. Já os decks de plástico não precisam de nenhum produto, nem manutenção. Os de cimento ou cerâmica possuem um produto fornecido pelo fabricante, que se assemelha a função de um filtro solar, para proteger a cor da tinta aplicada sobre o cimento. A receptividade e procura por decks têm aumentado muito, a variedade existente no mercado hoje pode ser uma das grandes causas para esse crescimento. Com o mercado está bem aquecido e a concorrência é grande. Hoje existem muitas opções de fabricantes de decks de madeira e piso vinílico (feito de borracha imitando madeira), que deve ser usado apenas em ambientes internos. *Por Daniela Sedo, arquiteta e paisagista (www.danielasedo.com.br).

Tags: segurança,

Anúncios do Lugar Certo

Últimas notícias

ver todas
27 de outubro de 2016