Sem empregada? Veja como manter a casa limpa e organizada

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 30/06/2014 16:52
Há cerca de 1 ano a legislação dos empregados domésticos trouxe mais igualdade em relação aos direitos desses funcionários. Por outro lado, a a nova lei pesou no bolso dos patrões. E, consequentemente, para aqueles que estavam com o orçamento apertado, o jeito será assumir os serviços de casa. Aí você se pergunta: " Dá para trabalhar, cuidar dos filhos, ficar sempre linda e ainda manter sua casa limpa e arrumada? Claro que sim! Para isso você vai precisar de uma dose extra de organização, disciplina para não deixar as tarefas acumularem, usar bons produtos de limpeza e contar com a colaboração da família toda. Ajuda é indispensável A mulher não tem que fazer tudo sozinha! A família deve ser uma equipe e dividir as tarefas. Se todos ajudarem na organização do lar, não fica pesado para ninguém. Todo mundo faz e ninguém fica exausto. E quando essas atividades virarem parte da rotina, as pessoas nem vão perceber que estão arrumando a casa. Uma boa dica para estimular a participação de todos é criar uma "poupança viagem". Assim, uma parte do que for economizado com o salário de uma empregada ou diarista será usado na viagem da família no fim do ano. Como distribuir os serviços Cada um deve arrumar a sua cama; As crianças ficam responsáveis pela organização dos próprios brinquedos. Se seus filhos forem um pouco maiores (acima de 8 anos) já podem se comprometer também com a organização da roupas (não deixando peças jogadas pelos quartos e banheiros) e das gavetas; Defina os dias da semana para tirar o lixo da casa e quem vai retirá-lo em cada dia; Sempre lave a louça logo depois de usá-la. O trabalho de lavar a louça do café da manhã, almoço e jantar pode ser dividido entre todos (inclusive o maridão); Crie uma tabela com a distribuição dos serviços e fixe-a em um lugar bem visível. Isso vai ajudar cada um a saber o que deve fazer em cada dia da semana e evitar os tradicionais "esquecimentos". Evite acúmulo de serviços Para evitar aquela "sensação" de casa desarrumada e uma faxina prolongada e estressante, a melhor opção é fazer uma coisinha todos os dias! A regra fundamental é não deixar nada para depois. Priorize a limpeza dos banheiros e a arrumação da casa; Não deixe que a roupa suja se acumule. Se a sua família for grande procure lavá-la pelo menos três vezes por semana. No dia seguinte faça uma seleção do que não precisa ser passado e passe as peças restantes. Separe as roupas e peça para que cada pessoa da casa guarde as suas; Se você tiver uma secadora, dobre as roupas assim que retirá-las da máquina. Você vai perceber que muitas delas não precisam ser passadas; Nos dias em que lavar roupas, providencie apenas um lanche fácil ou, se não tiver como dispensar o jantar, peça ajuda do seu companheiro. Produtos certeiros A ideia é tornar a limpeza pesada menos complicada, por isso invista nos melhores produtos de limpeza, eles podem facilitar (e muito!) as tarefas do dia a dia. Aposte no cloro em gel para a limpeza dos banheiros, pois removem mofo sem ter que esfregar e ainda desinfetam o ambiente. Na cozinha use produtos desengordurantes, que eliminam a sujeira com o mínimo esforço. Faxina pesada Reserve as manhãs de sábado e feriados para a faxina mais pesada. No dia a dia anote tarefas que precisam ser feitas e exigem mais tempo. Execute-as no dia da faxina. As tarefas da faxina também devem ser divididas. Mesmo que as crianças ou adolescentes não as façam com muito capricho, isso vai ensiná-los como é trabalhoso manter a casa limpa. Não refaça o que eles fizeram para que não desanimem. Ensine-os como fazer e depois - sem que vejam - dê seu toque final. Com o tempo eles vão aprender. Comece delegando a eles os serviços mais fáceis, mas vá ensinando-os a fazer de tudo. Não tenha 'pena' de colocá-las para ajudar. Você não estará explorando seu família, mas sim, compartilhando com ela momentos de aprendizado. Encare o serviço doméstico como um trabalho que deve ser realizado em equipe. Lembre-se: quando seus filhos forem adultos, provavelmente esse tipo de mão de obra já estará extinto. Se eles aprenderem agora, saberão como agir no futuro. (Com informações do Portal Vital/Unilever)

Tags: tendência

Anúncios do Lugar Certo

Últimas notícias

ver todas
27 de outubro de 2016